Go_to_top Bar
Seu carrinho está
vazio

Publique livros gratuitamente

Clube de Autores é a maior comunidade de autopublicação da América Latina. Inicie agora!

Paulo Freire e a Conscientização

Ajaxloader
por
R$ 47,87
por
R$ 13,97

Sinopse

Este livro investigou o conceito de “conscientização” no universo de Paulo freire à luz do Materialismo Dialético, particularmente a partir do pensamento de Lucien Goldmann. Sua questão mais geral de partida foi: Paulo Freire abandonou realmente a palavra “conscientização”, bem como as concepções e implicações nela potencializadas, após a realização, em 1974, do Seminário Internacional no México, no qual declarou que não mais usaria o termo? Esta problemática se desdobrou em outras, porque ele pode ter abandonado o termo, mas, não, o conceito. Neste caso, de que termo(s) ou perífrases lançou mão para manter-se fiel ao conceito? E se abandonou ambos, termo e conceito, como ficaria sua concepção? Indagou-se, também, por que não abandonou o termo, tendo afirmado publicamente que o faria? Constatou-se que Freire deixou de usar o termo entre 1974 e 1992. Nesse período, lançou mão de termos e expressões correlatos, como “descolonização das mentes”, que demonstraram atender a algo mais que a uma mera necessidade poética. Posteriormente, conferiu ao termo uma maior precisão sintático-semântica, bem como aprofundou seu significado ontológico-epistemológico e político. Relacionou a “essência” (entre aspas porque Freire não era essencialista) do ser humano a partir de sua consciência sobre o próprio inacabamento, inconclusão e incompletude. Para o desenvolvimento deste trabalho foram analisadas18 (dezoito) obras de Paulo Freire, treze dissertações mestrado e teses de doutorado de frerianistas. Constatou-se que o termo “conscientização” é um conceito estruturante do pensamento freiriano e que, por isso, ele não poderia abandoná-lo, sob pena de negar-se. A obra demonstra ainda como a teoria da libertação e da autonomia por meio da conscientização, é o caminho para a extinção das relações de opressão e que, como as formulações e ações são contextualmente determinadas, só faz sentido falar uma História-Sociológica da Conscientização, possibilitando repensar, inclusive, os conceitos de ontologia e de epistemologia.

Categorias: Epistemologia, Antropologia, Filosofia, Educação, Ciências Humanas E Sociais
Palavras-chave: conscientização, consciências, educação, freire, paulo

Características

Cover_front_perspective
Número de páginas: 174

Edição: 1(2017)

ISBN: 9788593711039

Formato: A5 148x210

Coloração: Preto e branco

Acabamento: Brochura c/ orelha

Tipo de papel: Offset 90g

Reconhecimento

Comentários - 0 comentário(s)


Como funciona

Passo 1

Você publica seu livro online, gratuitamente.

Passo 2

Você diz quanto quer receber de direitos autorais.

Passo 3

Nós vendemos e você recebe o dinheiro por depósito direto na sua conta.

Serviços profissionais

Conheça nossos serviços

São vários serviços para auxiliá-lo em sua obra:

Depoimentos

"No Clube eu pude realizar meus sonhos! Pude dar vida a estórias guardadas apenas comigo! Durante meses eu busquei orçamentos em editoras e não encontrei um lugar onde eu tivesse condições de publicar os meus livros. Era tudo caro demais e eu já tinha muitos livros escritos e guardados. Seria im..."

Paula R. Cardoso Bruno

Formas de Pagamento (até 12x)

Segurança

Print


Clube de Autores Publicações S/A   CNPJ: 16.779.786/0001-27

Rua Otto Boehm, 48 Sala 08, América - Joinville/SC, CEP 89201-700